Fale no WhatsApp Voltar ao Topo
Transparência e Prestação de Contas

Transparência e Prestação de Contas

Transparência e Prestação de Contas

Transparência e Prestação de Contas

X
Registro Profissional

Registro Profissional

Orientação e Fiscalização

Orientação e Fiscalização

Orientação e Fiscalização

Orientação e Fiscalização

X
Notas Técnicas e Legislações

Notas Técnicas e Legislações

Canais de Atendimento

Canais de Atendimento

Canais de Atendimento

Canais de Atendimento

X
Serviços Online

Serviços Online

CRESS-PE realizou palestra sobre o Estatuto da Pessoa Idosa

14/10/2022 às 17h49

A Comissão de Envelhecimento e Trabalho do Conselho Regional de Serviço Social - 4ª Região (CRESS-PE) realizou nesta sexta-feira (14) uma palestra com o tema "Estatuto da Pessoa Idosa: reflexões sobre o direito de envelhecer com dignidade". Participaram desse momento, profissionais e estudantes de Serviço Social. A palestrante foi Karla Bandeira, assistente social do Ministério Público de Pernambuco. 

Fotografia de Karla Bandeira, palestrante.

A palestra teve como objetivo debater o Estatuto da Pessoa Idosa como um instrumento de reconhecimento da cidadania e da dignidade das/os idosas/os. “O Estatuto da Pessoa Idosa trouxe à pauta a necessidade de discutir políticas públicas para atender a esse segmento, suscitando questões importantes como a necessidade de uma educação inclusiva intergeracional do ensino fundamental a universidade, com o intuito de abordar as temáticas do envelhecimento, além de problematizar sobre a necessidade de uma articulação na rede socioassistencial, abrangendo todos os serviços. Precisamos também atuar na perspectiva de combater qualquer forma de violência contra a pessoa idosa”, destacou Karla Bandeira.

O público presente trouxe dúvidas com relação ao Estatuto, ao atendimento às/aos usuárias/os dos serviços e externalizaram preocupação com relação à integração dos sistemas de políticas públicas, a qual, sem existir, dificulta o acesso das pessoas idosas aos seus direitos. “O Estado também pode ser um violentador dos direitos das pessoas idosas na medida em que não implementa as políticas e os programas que são de sua competência e responsabilidade”, pontuou Karla Bandeira.

Os certificados da palestra foram enviados por e-mail para as/os participantes presentes. 

Utilizamos coockies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições. Leia mais

Perguntar Depois